ofertas

domingo, 15 de fevereiro de 2015

Abrir caminhos...Novas oportunidades!



Olá amigos!

De uns tempos para cá tenho escrito quase que um manual de mudança pessoal: primeiramente devemos conhecer a nós mesmos, o que queremos, onde queremos chegar e como atingir este objetivo.

No passado buscamos a nossa história e onde somos bons, onde temos desempenho intermediário e os nossos pontos fracos também devem ser levantados, até para não errarmos novamente.
Avaliamos inclusive o tempo que temos de vida e o que ainda consideramos que possa dar tempo de executar nesta existência.

O nosso relacionamento amoroso, este é a principal mola propulsora de mudança ou de lançar âncora e conservar o que está bom.

Quando esta relação está conflituosa, o desrespeito e as agressões são ferramentas rotineiras, é sinal de que está tudo acabado. 
Quando a atenção da pessoa não está mais a contento. 
Quando há necessidade de divisão de tempo, a razão reconhece que tem que ser assim e o coração retalha em dores, como um veneno em doses pequenas, porém permanentes, há necessidade de buscar solução do problema.
Porém quando não consegue derrubar ou trabalhar o problema, é hora de eliminá-lo, ou simplesmente considerar: "se não existe solução para o problema...resolvido está".

Buscar nossa felicidade, nosso espaço, nossa liberdade é algo de responsabilidade exclusiva de cada um. 

Ficar aguardando que o outro mude ou que reconheça as nossas necessidades, muitas vezes são tempos jogados ao léu... 
Nunca ficará feliz, realizado ou satisfeito vivendo a vida do outro. Lançamos, as vezes, um tempo nesta situação, inclusive aguardando que um espaço fosse aberto para realização pessoal. Faltou perspicácia e até inteligência do outro, pois nunca envolveu seu parceiro totalmente na sua vida. 

Nunca mais perca tempo!
Abra seus caminhos com vontade e com sua inteligência, afinal somos seres pensantes e reconhecemos os sinais que nossa intuição e nosso coração nos dão a todo tempo.

Sinais perfeitos e que nos indica que é hora de MUDAR!









Feliz reflexão!

Abraços do coração!

Nenhum comentário:

Postar um comentário